Back to the tray

bandejaoRetrocedi… Ou melhor, voltei aos tempos de universitária.

Depois de comer, detestar, rejeitar por anos e dar graças quando, ao fazer estágio, consegui trocá-lo por um carnê de ticket refeição, cá estou de volta ao velho bandeijão.

Descobri que, por ser estudante, eu tenho direito a comer no restaurante universitário da Université de Bourgogne, em Dijon. E lá vou eu uma vez por semana, no dia em que tenho 2 aulas, almoçar de bandeija, com direito às tias, à fruta de sobremesa, à salada de preparo duvidoso. Com alguns improvements: queijo (estamos na França!), mais de uma opção de “mistura” (carne, ave ou peixe, e com direito até a world food – culinária étnica), opção de pizza e batata frita para os anêmicos. Ah, e com direito a uns frascos “pump” gigantes de maionese, mostarda e ketchup. O que ficou faltando? Os sucos coloridos “Amarelo #1”, “Amarelo #2” e “Amarelo #3”, de sabores vagamente familiares, e o chá mate, que tínhamos no nosso bandex da USP São Carlos. Em Dijon, só água, ou coca vinda de uma vending machine.

Saudade do chá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: